5 dicas para escolher um bom curso profissional

Descubra o que você precisa para não errar na hora de escolher um bom curso profissional para a sua carreira.

O ambiente profissional está ficando cada vez mais competitivo. A cada dia que passa surgem novas ideias de negócio, novas tecnologias e até mesmo novas profissões. Em meio a tantas mudanças e novidades, uma coisa é certa: quem não evoluir vai acabar ficando para trás.

Existem várias formas de investir no seu crescimento profissional e se manter à frente no mercado, e aqui na Provi a gente entende que cursos profissionalizantes são uma das melhores maneiras de alcançar esse desenvolvimento. Seja pra quem quer mudar de área, se especializar em algum assunto ou até pra dar uma reciclada no conhecimento, existem centenas de cursos disponíveis no mercado que podem te ajudar a alcançar seus objetivos.

Com tantas opções por aí não é nada fácil escolher o melhor curso para a sua necessidade atual, então separamos cinco dicas que vão te ajudar a tomar essa decisão com muito mais certeza e tranquilidade.

1. Entenda seus objetivos atuais

Antes de analisar cada opção de curso que você encontrar, separe um tempinho pra uma reflexão mais pessoal de autoconhecimento.

Entenda o motivo de você estar buscando um curso. É para se especializar na sua área? Para conseguir uma promoção no trabalho? Para se preparar para uma mudança de carreira? Para se dedicar a começar seu próprio negócio? Ou só para satisfação pessoal, buscando um assunto que você sempre teve curiosidade?

Seja qual for o motivo, não tenha medo de analisar todas as opções. Pegue uma folha em branco e escreva quais são os seus objetivos atuais. Com isso pronto, comece a listar quais são os temas de cursos que podem te ajudar a alcançar esses objetivos. Não deixe nada para fora! Escreva tudo que vier à cabeça, sem medo. Assim você vai poder pensar de forma mais clara em todas as possibilidades e tomar uma decisão mais consciente.

2. Faça uma pesquisa online

Objetivos e temas definidos? Agora é hora de começar a se aprofundar no assunto do seu interesse.

Aqui você vai se jogar na internet para entender de verdade o que faz sentido para o seu momento de vida. Busque artigos, notícias, fóruns e tudo mais para entender melhor como é o universo de conhecimento ao redor dos assuntos que você definiu.

Se você está buscando um curso com objetivos pessoais, aqui você vai entender se o assunto escolhido realmente te agrada, se você realmente se vê usando aquilo na sua vida ou se era só uma curiosidade momentânea.

Já se os seus objetivos são profissionais, entenda melhor como o assunto se encaixa no mercado, quais os desafios da área, quais as tendências e novidades e até quais as oportunidades que o mercado oferece ao redor desse tema.

Fazendo essa pesquisa você vai conseguir priorizar de fato o que faz mais sentido pra você, e aí é hora de mergulhar um pouco mais no assunto escolhido.

3. Converse com amigos e profissionais

Cada pessoa vê as coisas de uma maneira bem particular, e as opiniões sobre um mesmo tópico ou experiência podem variar de pessoa para pessoa. Por isso, procure contatos que já têm uma vivência no assunto que te interessou e chame essa galera pra bater um papo sobre isso.

Você vai se surpreender em quantos contatos bons podem surgir só reativando aquele grupo da faculdade no WhatsApp ou chamando a galera da escola para pedir indicações. Mesmo que essas pessoas não estejam diretamente envolvidas na área, elas podem ter outras indicações e ajudar a colocar você em contato com as pessoas certas.

Mas se nos grupos mais próximos não surgir nenhuma conversa legal, o LinkedIn também é uma boa opção para encontrar as pessoas certas. Você vai precisar de um pouco de cara de pau, mas mandar uma mensagem simpática para profissionais desconhecidos pedindo um tempinho para trocar uma ideia pode render bons frutos.

Essas conversas podem não só te dar mais segurança sobre a decisão de qual curso fazer, mas até gerar novas oportunidades e dicas preciosas que só as pessoas que vivem aquele assunto no dia a dia podem te dar.

4. Procure informações sobre as instituições de ensino

Com tanta informação levantada até aqui, já podemos partir para um dos últimos passos dessa jornada de escolha e entender mais sobre as escolas que oferecem o curso certo para você.

Entre nos sites das instituições, procure informações sobre o currículo e conteúdo dos cursos, descubra quem serão os professores, busque avaliações de ex-alunos e tente fazer até visitas presenciais nas escolas para ver se o ambiente atende ao que você procura.

É muito importante buscar uma organização séria e reconhecida para que você tenha a melhor experiência possível. Fazer um curso é um grande investimento de tempo e dinheiro, e ter o suporte de uma instituição com qualidade reconhecida vai fazer toda a diferença para você.

Ah, e é claro que as melhores escolas já estão aqui na Provi, então a gente pode te ajudar bastante nessa etapa.

5. Faça acontecer!

Agora não tem muito segredo, é hora de partir para a ação. Depois de tanto planejamento você já descobriu seus objetivos, qual curso é o melhor para você e qual escola vai te oferecer a experiência mais rica, então é só fazer sua inscrição e se dedicar a esse novo projeto.


Fazer um curso é uma grande decisão, mas com toda essa preparação você pode seguir em frente com a tranquilidade de ter feito uma escolha consciente e que com certeza vai agregar no seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Nova call to action

Veja mais sobre o autor

Matheus Torrano

Apaixonado por criatividade e inovação, busco maneiras de tornar as vidas das pessoas mais felizes com o meu trabalho.