Como se preparar para arrasar na entrevista de emprego

Depois de uma longa seleção, chegou a hora da entrevista. Bateu o desespero? Respira e se liga nas dicas para você conquistar a vaga!

Seja você alguém que está entrando agora no mercado de trabalho ou alguém que já tem alguma experiência mas quer buscar novas oportunidades, é bem provável que a perspectiva de encarar uma entrevista de emprego cause um pouquinho de ansiedade.

Enquanto andar de bicicleta é uma daquelas coisas que quem aprende nunca esquece, participar de uma entrevista parece ser exatamente o oposto: cada entrevista parece a primeira.

Embora essa sensação de nervosismo seja natural, a verdade é que, com uma boa preparação e algumas dicas simples, é possível que a experiência da entrevista seja não só tranquila como até prazerosa.

Quer saber como você pode se preparar para esse momento e dominar esse aparente bicho de sete cabeças? É só conferir as dicas aqui embaixo.

Respira, não pira

Quando a gente fica nervoso, a última coisa que queremos é que alguém nos fale para não ficar, né? Por isso nem vou deixar para o final e já falar agora.

Apesar de óbvio, vale reforçar que manter a calma e a mente limpa durante a entrevista é essencial para você ter os pensamentos no lugar e transmitir de forma clara tudo o que tem para falar.

Tente pensar na entrevista sem toda a carga e pressão que a situação carrega: no fim das contas é só você conversando com outra pessoa.

Entrevistas costumam ser uma das últimas etapas de um processo seletivo, e se você chegou até esse momento quer dizer que tem boas chances de conquistar a vaga. Tenha a confiança de saber que você chamou a atenção da empresa até ali e pode continuar fazendo isso na entrevista também. 

Analise quem te analisa

Apesar de o foco da entrevista parecer totalmente focado em quem está se candidatando para a vaga, a verdade é que também é importante avaliar a empresa e as pessoas que estão contratando.

A empresa parece alinhada aos seus valores? Parece ser um ambiente em que você gostaria mesmo de trabalhar? Como está sendo o seu tratamento ao longo do processo seletivo? Você sente que a empresa se preocupa mesmo com as pessoas? Quem está te entrevistando parece gostar do que faz?

Um processo seletivo não deve ser apenas uma busca da empresa por profissionais, mas também profissionais buscando as empresas certas.

E não é só a parte cultural que é importante: estudar sobre a empresa também vai ajudar você a se sair melhor durante a entrevista. Faça o trabalho de ler notícias sobre a empresa, analisar o site, conferir as mídias sociais e tudo o que fizer sentido.

Ter um conhecimento profundo sobre a empresa vai mostrar que você está se dedicando para aquela oportunidade e também te ajudar a direcionar a conversa para onde você possa valorizar seus pontos fortes em relação à realidade da empresa.

Conhece-te a ti mesmo

Já faz um tempinho que um senhor chamado Sócrates disse: “Conhece-te a ti mesmo e conhecerá o universo e os deuses”. Não precisamos pensar tão alto por enquanto, mas dedicar um tempo para refletir sobre você também é muito importante para mandar bem em uma entrevista de emprego.

Geralmente quem está no início da carreira sente que não tem muita bagagem ou experiências relevantes para compartilhar em um processo seletivo, mas isso não é verdade. Não precisa falar sobre os mínimos detalhes de tudo o que você já fez só para dar uma sensação de volume, basta focar no que você achou mais relevante na sua trajetória até aqui e que vai fazer mais sentido para a vaga que você está buscando.

Lembre-se: mais importante do que falar muito, é falar o que importa. Foque em entender quais são as suas experiências e pontos fortes mais relevantes para cada entrevista e você vai conseguir formar um discurso muito mais direcionado, objetivo e confiante para impressionar a empresa que está recrutando.

Aqui também vale um outro comentário: seja você mesmo. Sinceridade e honestidade são características importantes em qualquer lugar, e continuam sendo em uma entrevista. Você não quer fingir alguma coisa, passar na entrevista e ter que ficar fingindo pelo resto dos dias que continuar naquela empresa.

Mostre quem você é de verdade, essa é a melhor forma de conquistar uma oportunidade que vai valer a pena. E se você precisar de uma ajuda extra em como contar a sua história em uma entrevista, se liga nesse vídeo da Ana Baraldi, Head de Inovação na Provi, dando algumas dicas sobre o assunto.

Estude, leia, pesquise, se prepare

Estudou sobre você? Ótimo.

Estudou sobre a empresa? Maravilha.

Tudo pronto? Calma lá. Estude sobre a área da vaga que você escolheu.

Já falei antes que se você chegou até a entrevista é porque mostrou que tem o que é preciso para conquistar a oportunidade de emprego, mas não vai deixar a peteca cair só por esquecer algum conhecimento técnico importante.

Garanta que o seu conhecimento técnico está em dia. Novos assuntos, abordagens e informações surgem todos os dias, e devemos sempre adotar uma postura de aprendizado constante para manter nosso destaque profissional e aumentar a empregabilidade.

Atualize seu conhecimento lendo artigos sobre as habilidades técnicas que serão necessárias para a oportunidade a que você está se candidatando, procure provas ou testes online para afiar suas habilidades e mostre que você tem o que é preciso para dar conta do recado.

Não dê chance para a Lei de Murphy

Já que estamos usando citações conhecidas, aqui vai uma do famoso Edward Murphy: “Se algo pode dar errado, dará”. Apesar de parecer pessimista, a ideia é justamente ajudar a evitar que algo dê errado, então sem desespero!

Minimize as chances de que algum imprevisto possa atrapalhar você durante a entrevista para não ter que lidar com nenhuma ansiedade ou estresse além do que você já está lidando.

A entrevista é presencial? Não saia de casa na última hora. Garanta que vai chegar com uns 15 ou 20 minutos de folga no local combinado. Entrevista remota? Não comece nada importante nos 10 minutos antes do horário marcado.

Teste a internet, vá ao banheiro, beba uma água, confira se pegou qualquer material ou documento necessário, confira de novo a agenda para ver se não marcou a entrevista no dia errado e por aí vai.

O Murphy ali de cima pode até parecer um chato querendo te deixar em desespero, mas ter essa pulga atrás da orelha vai ajudar você a ter uma entrevista mais tranquila e sem distrações ou complicações desnecessárias.


Dicas anotadas? Cabeça tranquila? Coração controlado? Então parte para a entrevista e mostre que você é a pessoa que a empresa está procurando.

Lembre-se: a entrevista, no fim das contas, é uma conversa. Aja naturalmente e imagine que você está conversando com uma colega de trabalho – no fim das contas é exatamente isso o que você está querendo, certo?

Ah, e se você precisar de uma ajudinha a mais além dessas dicas para garantir que vai se destacar na entrevista, conte com a gente. Além de vários conteúdos legais sobre carreira aqui no nosso blog, a Provi também oferece crédito descomplicado para você estudar nos melhores cursos profissionalizantes do mercado sem se preocupar em esvaziar o bolso.

Estamos aqui para revolucionar a educação no Brasil e transformar carreiras: e isso inclui a sua.

New call-to-action

Veja mais sobre o autor

Clara Limongi

Coordenadora de Projetos de Inovação na Provi