Financiamento para intercâmbio, como funciona e como conseguir

Saiba como o financiamento para intercâmbio pode viabilizar esse sonho e contribuir para o desenvolvimento pessoal e profissional das pessoas.

Programas de intercâmbio são uma das melhores alternativas para quem quer investir no próprio desenvolvimento pessoal e profissional.

Além de ser uma ótima oportunidade para treinar uma língua estrangeira e se forçar a viver totalmente fora da sua zona de conforto, aprendendo a conviver com uma cultura totalmente diferente em um ambiente que você não está acostumado, muitos programas de intercâmbio também oferecem oportunidades profissionais para quem busca esse tipo de experiência.

Apesar desses benefícios, é fato que fazer um intercâmbio exige um bom planejamento e, com certeza, uma quantia considerável de dinheiro.

Para ajudar a tornar esse tipo de programa um plano mais acessível para as pessoas, uma opção é buscar opções de financiamento para intercâmbio.

Antes de falar mais sobre como funciona o financiamento para intercâmbio e quais as suas vantagens, vamos entender um pouco mais sobre esse tipo de programa.

O que é intercâmbio?

Intercâmbio é um conceito bem abrangente, mas a ideia principal é a de uma viagem para outro país com o objetivo de adquirir novos conhecimentos.

O tipo mais comum de intercâmbio provavelmente é o escolar ou estudantil, que é aquele em que pessoas vão para escolas ou universidades em outros países e vivem por lá durante o período dos estudos, usando essa oportunidade para desenvolver seus conhecimentos acadêmicos com fontes internacionais.

Outro tipo bastante conhecido é o intercâmbio profissional, em que o intercambista viaja para outro países já com o objetivo de trabalhar e melhorar suas habilidades profissionais. Esse tipo de intercâmbio contribui muito para aprender a lidar com perfis diferentes de pessoas no ambiente profissional, contribuindo para o desenvolvimento de soft skills.

Por fim, um tipo de intercâmbio que costuma não ser tão mencionado é o intercâmbio cultural, que é aquele em que uma pessoa simplesmente viaja para outro país e por lá vive durante algum tempo, imersa naquela nova cultura e novo ambiente.

Seja qual for o tipo de intercâmbio escolhido, um fato é que o intercambista sempre volta dessa experiência com um repertório de conhecimentos e habilidades maior do que o que tinha no início do programa.

Como funciona um intercâmbio?

Os intercâmbios podem funcionar de várias maneiras diferentes, dependendo do tipo de intercâmbio escolhido e também dos objetivos e disponibilidade de cada pessoa.

Em um intercâmbio estudantil, por exemplo, o primeiro passo para o estudante é buscar uma agência de intercâmbio no Brasil que vai auxiliar no processo de matrícula em um curso no exterior.

Nesse processo, o estudante vai definir não só o país e a instituição de ensino que deseja conhecer, mas também qual curso vai querer fazer durante o intercâmbio. Para tomar essas decisões, alguns dos principais pontos a serem considerados são:

  • Interesse e aplicabilidade do idioma usado no país do intercâmbio
  • Relevância e reconhecimento da instituição de ensino estrangeira
  • Aplicabilidade do curso escolhido para o seu futuro profissional
  • Custo de vida no país do intercâmbio

Depois de decididas as principais informações do intercâmbio e realizada a matrícula do estudante, é hora de preparar as malas e ficar com tudo pronto para a viagem.

Chegando no país do intercâmbio, existem programas que oferecem um serviço de transfer, um transporte que vai receber o estudante no aeroporto e levá-lo direto para o local em que ele ficará hospedado durante o programa de intercâmbio.

Essa hospedagem pode ser até mesmo um espaço privativo, em que o estudante tem o espaço todo para si mesmo, mas muitas pessoas acabam optando por outras opções como forma de reduzir os custos de hospedagem.

As alternativas mais comuns são a hospedagem em casas de famílias que vivem na cidade dos estudos, ou residências estudantis, onde o estudante vai viver junto com outros intercambistas ou alunos da mesma instituição de ensino. Vale lembrar que essas alternativas mais econômicas muitas vezes também já oferecem refeições, reduzindo ainda mais os custos do programa.

Caso o estudante tenha optado por um curso de idiomas para aprender a língua local durante o intercâmbio, a primeira atividade a ser realizada costuma ser uma avaliação oral e escrita para nivelamento das pessoas. Essa avaliação vai definir o nível e proficiência de cada estudante e ajudar a montar turmas que estejam em níveis similares.

Um ponto interessante de ressaltar é que as turmas de estudo, residências estudantis ou a vivência como um todo nesse tipo de intercâmbio pode envolver o contato não só com nativos daquele país, mas também com outros intercambistas de todas as partes do mundo. Esse é um dos fatores que contribuem para que a exposição a culturas diferentes seja ainda maior, aumentando a riqueza e diversidade da experiência de intercâmbio.

Com os estudos iniciados e o intercambista já habituado à nova realidade, resta aproveitar ao máximo essa experiência até chegar a hora de voltar ao Brasil – e, quem sabe, já emendar mais um intercâmbio em seguida.

Tem como financiar um intercâmbio?

Como já foi falado anteriormente, apesar de ser uma experiência muito interessante para quem quer se desenvolver pessoal e profissionalmente, um intercâmbio exige um investimento financeiro considerável.

Uma forma de viabilizar esse plano que pode tornar o sonho do intercâmbio mais alcançável é buscar um financiamento para intercâmbio – alternativa que vem ganhando cada vez mais interessados nos últimos tempos.

Embora já seja comum para as pessoas buscarem opções de financiamento para atividades diversas ou até mesmo com foco estudantil, muita gente não sabe que o financiamento para intercâmbio também é uma opção, e que ela pode tornar o plano do intercâmbio muito mais realizável.

Assim como para qualquer financiamento, no financiamento para intercâmbio é importante ficar atento às taxas de juros envolvidas e, claro, garantir que a sua situação de crédito seja boa para conseguir a aprovação na análise de crédito realizada antes de contratar o financiamento.

Quais as vantagens de financiar um intercâmbio?

As vantagens de buscar um financiamento para intercâmbio são diversas, envolvendo desde a agilidade no processo de contratação de um intercâmbio até a possibilidade de facilitar o pagamento com o próprio desenvolvimento obtido no programa. Confira mais sobre as principais vantagens a seguir.

Maior rapidez e agilidade para contratar um intercâmbio

Como o valor necessário para fazer um intercâmbio costuma ser elevado, muitas pessoas precisam passar um bom tempo juntando esse dinheiro antes de poder, de fato, começar um programa de intercâmbio.

Com o financiamento para intercâmbio, é possível pular essa etapa e conseguir desde o início os recursos necessários para viabilizar este investimento, tornando o processo muito mais rápido e ágil, acelerando os seus planos.

Desenvolvimento da sua situação profissional

Como já foi discutido acima, o intercâmbio é uma ótima oportunidade para desenvolver habilidades pessoais e profissionais.

 Esse tipo de experiência costuma ser muito valorizado por recrutadores que entendem a importância de uma experiência dessas para preparar um profissional para atuar em ambientes e equipes diversificadas, o que aumenta o seu destaque no mercado de trabalho.

Investimento com alto potencial de retorno

Por ser um investimento em si mesmo, o financiamento para intercâmbio conta com um alto potencial de retorno no médio e longo prazo. Isso porque todo o investimento está sendo realizado justamente para que o estudante consiga desenvolver habilidades pessoais e profissionais para melhorar a sua situação no futuro.

Diferente de buscar financiamento para fazer uma compra ou pagar uma dívida, o financiamento para intercâmbio tem o potencial de retornar mais dinheiro no futuro devido às melhores oportunidades a que a pessoa vai ter acesso.

Aceleração da sua carreira e objetivos

Como o financiamento para intercâmbio permite que você viva essa experiência mais rapidamente, ele é capaz de acelerar a sua carreira e tornar seus objetivos profissionais mais próximos.

Dessa forma, o estudante se prepara para conseguir oportunidades de emprego mais rápido do que conseguiria sem o intercâmbio, além de melhorar a qualidade dessas oportunidades – o que torna ainda mais fácil pagar o financiamento no fim das contas.

Como funciona o financiamento estudantil para intercâmbio?

O financiamento para intercâmbio pode funcionar de diferentes formas dependendo de qual instituição financeira está oferecendo esse serviço.

Assim como já foi falado, um ponto importante ao contratar um financiamento é sempre prestar atenção aos valores, condições e taxas envolvidas para ter certeza de que o que está sendo contratado é justo e pode ser quitado no futuro.

De forma geral, o passo a passo de um financiamento estudantil para intercâmbio é o seguinte:

  • Decidir a agência de intercâmbio que vai ser contratada
  • Levantar informações sobre as opções de financiamento disponíveis para essa agência
  • Planejar as próprias finanças para conseguir pagar todos os custos envolvidos no programa de intercâmbio
  • Analisar as diferentes condições de financiamento, checando desde o número de parcelas até as taxas de juros, o IOF, os prazos de pagamento e até a possibilidade de seguro
  • Decidir qual é a melhor opção de financiamento para o seu caso e iniciar o processo de contratação
  • Passar por uma análise de crédito que vai envolver tanto o envio de documentos quanto a análise do seu nome em organizações de crédito
  • Contratar o financiamento e se preparar para o intercâmbio

Como conseguir financiamento para intercâmbio?

Conseguir um financiamento para intercâmbio pode ser um processo muito mais fácil e tranquilo do que parece – principalmente se a agência de intercâmbio escolhida conta com parcerias financeiras sólidas e confiáveis.

As agências de intercâmbio que oferecem o serviço de financiamento em parceria da Provi contam com o apoio total da nossa equipe especializada em financiamento estudantil para oferecer as melhores condições e a melhor experiência para estudantes em busca de um intercâmbio.

Além de uma análise de crédito individualizada que entende não só a situação de crédito atual do estudante, mas também o seu potencial futuro de crescimento, a Provi também acumula anos de experiência no oferecimento de crédito para quem quer investir no próprio futuro profissional.

Se você quer acelerar a realização do seu intercâmbio com a ajuda da Provi, ou é uma agência de intercâmbio e quer o nosso apoio para facilitar a vida dos seus estudantes, entre em contato com a nossa equipe!

Acelerando carreiras com programas de intercâmbio

Ficou claro como o intercâmbio pode ser uma ótima maneira de acelerar carreiras profissionais ou mesmo contribuir para o desenvolvimento pessoal das pessoas.

Além de todas as vantagens trazidas por esse tipo de experiência, os serviços de financiamento para intercâmbio fazem com que esse plano seja ainda mais alcançável mesmo para quem ainda não tem todos os recursos financeiros necessários para um programa como esse.

Na Provi, trabalhamos para revolucionar a educação no Brasil, e ajudar quem quer viver um intercâmbio é parte da nossa missão. Conte com o nosso apoio para tirar o sonho do seu intercâmbio do papel, e se você é uma agência de intercâmbio, entre em contato para saber como podemos trabalhar juntos e transformar a vida de cada vez mais pessoas.

Veja mais sobre o autor

Matheus Torrano

Apaixonado por criatividade e inovação, busco maneiras de tornar as vidas das pessoas mais felizes com o meu trabalho.